Como descartar os esmaltes?

Desde que abri o DETRICH tenho uma preocupação: como descartar corretamente os esmaltes antigos.

Nós já encontramos algumas ONGs que fazem arte com esmaltes, mas faltavam informação à respeito da seriedade desses lugares.

Então, esses dias, encontrei uma matéria no UOL que reforçou algumas das ações que já fazemos lá. Resolvi dividir com vcs tb, afinal, tenho certeza que vocês, como todas as mulheres, gostam de comprar esmaltes.

Aqui vão as 5 dicas (abaixo uma reprodução de um trecho da matéria):

Blog Animal Chic 4

– Nunca jogue o vidro de esmalte no lixo comum. Isso faz com que ele acabe indo para um aterro e, ao se quebrar, os compostos químicos podem atingir o lençol freático e contaminar a água.

– Se ainda houver esmalte no vidro, a dica é reaproveitá-lo para pintar algum objeto como copos, vasos e esculturas.

– Caso o esmalte não possa ser aproveitado, jogue-o em uma folha de papel e espere alguns minutos até a química evaporar. Esse papel pode ser colocado no lixo comum.

– O vidro, mesmo vazio, precisa estar limpo antes de ser jogado fora. Para isso, coloque um pouco de removedor ou acetona e mexa até dissolver o que ainda resta.

– Depois de limpo, o vidro pode ser descartado junto com os demais vidros para reciclagem. É importante lembrar de separar a tampa, que é de plástico, e colocar cada material em seu devido lugar.

Blog Animal Chic

O site ainda traz uma 6a dica: segundo o UOL, algumas lojas têm Coletores de Esmaltes. Eu sei que em 2013 a Risqué lançou um desses Coletores. Havia um na loja Ikesaki da Liberdade, bairro de SP. Mas na minha última visita à loja, eu não vi o Coletor. Então, vou me informar direitinho pra contar pra vcs se esse Coletor ainda está lá, combinado?

Beijos, Ju Diniz

 

Anúncios

Novidades do Jefferson! #PUBLI

capa

Eu já mostrei para vocês várias vezes as camisetas incríveis do Jefferson, todas estampadas com animais lindos!

Mas hoje, quando entrei no site da marca, encontrei uma novidade que não podia deixar de dividir com vcs: as bolsas!

São vários modelos e com várias estampas. E algumas são confeccionadas em sarja PET, que é um material proveniente da reciclagem de garrafas PET. Sustentável e super confortável, com um toque macio e um design moderno e prático.

Prepare-se para o verão que está chegando com uma bolsa descontraída e divertida!

E os preços estão bacanas, viu?

Quer ver minhas preferidas?

Começando com a bolsa do Urso Panda que você encontra AQUI.

panda01

Um visual bem descontraído, para curtir um dia na beira da piscina ou na praia.

panda02

Agora a bolsa da Girafa que você encontra AQUI.

girafa01

Mais um look para curtir o fim de semana! Dessa vez, com saia jeans.

girafa02

Essa bolsa do Tucano você encontra AQUI.

TUCANO01

Agora, uma sugestão de look para curtir uma cervejinha com os amigos num bar na beira da praia no fim do dia.

TUCANO02

Que tal? Qual vcs gostaram mais? Dá uma olhada no site AQUI que tem várias outras opções.

Ah, não posso deixar de mostrar uma foto aqui! Minha mãe fez aniversário esse fim de semana. E eu dei uma camiseta Jefferson com estampa de Arara pra ela! Ela adorou!!!

ritinha

Um beijo, Ju Diniz

Luminárias diferentes

tampinhacapa

Oi, meninas

Vocês sabem que eu adoro dar dicas aqui de coisas que podemos fazer com materiais que seriam jogados fora!

Hoje, vou mostrar para vocês várias luminárias, feitas com o lacre de latas de refrigerante e tampinhas de garrafa e de outros potes! Que tal?

Vamos começar a juntar?

 tampinha08

tampinha07

tampinha06

tampinha05

tampinha01

tampinha02

tampinha03

tampinha04

E aí, curtiram?

Beijos, Ju Diniz

Eco é Chic: Decorando com pneus!

pneucapa

Oi, meninas

Vocês sabem que eu gosto de mostrar aqui no blog na sessão #ecoechic idéias de decoração com materiais que seriam descartados.

Hoje vocês verão o que dá pra fazer com pneus! Poltronas, arranjos de flores, brinquedos… a criatividade não tem limites!

pneu01

pneu02

pneu03

pneu04

pneu05

pneu06

pneu07

pneu08

pneu09

pneu10

pneu11

pneu12

pneu13

pneu14

pneu15

pneu16

pneu17

Beijos, Ju Diniz