Observação de aves em Bragança Paulista/SP

Pra quem mora em SP, tenho uma dica de passeio.

No dia 9 de abril vc vai poder passarinhar no Espaço Maitá, em Bragança Paulista/SP.

Olha só a programação:
08 h. Passarinhada com André Mendes
10 h. Feira de Troca de Mudas e Sementes
12 h. Almoço compartilhado. Traga algo.
14 h. Roda de Leitura
15 h. Café com bolo

Se quiser saber mais, acesse: www.espacomaita.com.br

17239915_1255682451212005_451234737059208693_o.jpg

Anúncios

#VemPassarinhar – Pq Ibirapuera

Dica de passeio super bacana pra quem vai estar em São Paulo no próximo fim de semana:

32° #Vempassarinhar!

Vai rolar no sábado, dia 17 de dezembro, às 7h. E essa edição do #VemPassarinhar vai acontecer no Parque Ibirapuera.

O ponto de encontro será em frente ao DEPAVE-3, no viveiro Manequinho Lopes, que já é um tremendo lugar bacana pra passarinhar.

E em seguida, rola o “Papo de passarinho” com o biólogo Carlos Candia-Gallardo. O tema será “A história do Tiê fantasma”.

Levem lanches para um picnic comunitário e canecas!

Te espero lá!

blog-animal-chic

Zen Passarinhar

Há poucos dias eu recebi um convite para uma passarinhada diferente das que eu estou acostumada a fazer: uma passarinhada associada com um retiro, um mergulho na natureza e no autoconhecimento.

Esse vai ser o Zen Passarinhar, organizado pela Maritaca Expeditions, que vai rolar na Pousada Beija-flor, no Espírito Santo..

Uma vez que a observação de aves é uma prática de contato direto com a natureza, nada mais coerente do que associar essa atividade com aulas de yoga, momentos de meditação e muita contemplação da natureza.

 

Essa passarinhada acontece do dia 25 ao dia 27 de novembro e, se vc se interessou, é só entrar em contato com o pessoal da Maritaca Expeditions pelo e-mail info@maritacaturismo.com.br.

Essa vai ser a programação da passarinhada:

Blog Animal Chic 10.png

Aqui estão algumas fotos da vista, aves e da Pousada Beija-flor onde o Zen Passarinhar vai rolar.

Blog Animal Chic 1Blog Animal Chic 2Blog Animal Chic 3Blog Animal Chic 8Blog Animal Chic 7Blog Animal Chic 6Blog Animal Chic 5

Beijos, Ju Diniz

Itamambuca Eco Resort – Eu recomendo MUITO!

Spoiler: texto longo, hein?
Mas vale a pena ler até o fim! 🙂 

O post de hoje é uma sugestão muito bacana de viagem. Um lugar encantador que visitarei novamente em breve!

Marido e eu estávamos procurando uma pousada ou hotel onde encontrássemos TUDO: mar, rio, natureza, paisagem, estrutura (para os cuidados com a baby Maria), comida boa e fácil, quarto confortável, assistência bacana (bom atendimento, carinhoso, atencioso) e, lógico, com possibilidades para boas passarinhadas.

Lógico que achávamos que teríamos que abrir mão de algumas dessas coisas. Estávamos querendo demais, né?

Não! Não estávamos querendo demais, não! Achamos tudo isso! E ainda bem pertinho de SP, uma viagem de 222km.

Itamambuca Eco Resort – UBATUBA/SP

Alguns amigos tinham me falado sobre esse eco resort há algum tempo, mas nunca tivemos chance de visitá-lo antes. Então, quando vimos que o feriado de 25 de janeiro, aniversário de SP, seria um feriado prolongado, decidimos que a hora de fazer essa viagem havia chegado.

Já no primeiro contato já fui super bem atendida. Tem coisa mais gostosa que um bom atendimento? É como se a viagem começasse nesse primeiro telefonema, né? A gente já fica com a certeza de que tudo vai dar certo.

Mesmo com uma pequena solicitação de alteração na minha viagem, tudo realmente deu certo. O atendimento foi bastante prestativo e solícito.

Agora, vou falar sobre tudo o que estávamos procurando e que encontramos lá no Itamambuca Eco Resort: mar, rio, natureza, paisagem, estrutura, comida boa e fácil, quarto confortável, assistência e boas passarinhadas.

MAR, RIO, NATUREZA e PAISAGEM

Eu gosto de dar alguns mergulhos no mar, mas tb sou maluca por dar um pulo no rio. Acho que ambos têm um efeito energizante! Mas eu não tinha encontrado ainda um hotel que me oferecesse tanto o banho de praia quanto a possibilidade de um banho de rio. E lógico, estou falando de um rio limpo, onde seja possível nadar sem medo.

Bom, o Itamambuca Eco Resort fica localizado no entroncamento do rio com o mar e esse rio, ao contrário do que a maioria pode pensar, é de água cristalina!

Blog Animal Chic Blog Animal Chic 2

E a praia de Itamambuca? Encantadora! Cercada de montanhas e rochas, a paisagem para fotos incríveis tá garantida.

Blog Animal Chic 4

A natureza é viva. O Itamambuca Eco Resort está dentro de uma reserva particular de 100 mil metros quadrados. Muito canto de aves, muitas árvores e aquele clima bom de mata atlântica.

Outra beleza natural são os manguezais que ficam às margens do Rio Itamambuca onde vivem animais como os guaiamuns, caranguejos enormes com uma carapaça azulada.

Blog Animal Chic 3

ESTRUTURA

Como vcs sabem, eu tenho uma filha que agora está com 8 meses. Uma viagem com bebês nunca é uma viagem normal, né? Quem e mãe sabe que a gente tem que se preocupar com um monte de coisas como alimentação, berço e até com brincadeiras e atrativos (no caso de crianças mais velhas).

Primeiro vou falar sobre alimentação. Eu escolhi levar todas as papinhas da Maria congeladas. Eu estou curtindo cuidar da comida dela para garantir que todas as vitaminas e nutrientes necessários nessa fase da vida estejam lá. E foi uma ótima escolha!

No quarto tem uma geladeira pequena com congelador onde deixei todas as papinhas. Num lugar de fácil acesso (estava bem ao lado do meu quarto) ficava o Espaço Família, onde tinha micro ondas, fogão, uma pia para lavar as louças usadas… enfim, tudo o que precisamos. Maria fez todas as suas refeições exatamente como as faria aqui em casa.

Sobre onde dormir, basta comunicar que você está viajando com uma criança. Estão disponíveis berços para crianças pequenas e tb camas com grade lateral para crianças maiores. Segurança e conveniência.

Brincadeiras? O hotel tem um super esquema de recreação que deixa a molecada entretida e muito feliz! E tem brincadeiras bacanas que até nós, adultos, entramos no jogo, viu? Se vc tem filhos maiores e quer fazer uma viagem bacana com a família, é uma boa pedida. A criançada se diverte o casal pode curtir um momento legal.

COMIDA BOA E FÁCIL

Sabe o que eu quis dizer com comida “fácil”? Bom, em muitas viagens, especialmente pra praia, a gente acaba tendo que procurar onde comer. Aí, entra em carro sujo de areia, sai de carro, procura um restaurante, procura outro restaurante, e pronto: cerca de 3 horas do seu dia são perdidas por causa de cada uma das refeições.

Dentro do Itamambuca Eco Resort tem 2 restaurantes: um que serve pratos a la carte e outro por quilo. É só escolher e aproveitar.

Nós não saímos do resort nem por um momento! Fizemos todas as refeições lá mesmo.

Além de uma boa comida, o Itamambuca Eco Resort tem uma excelente carta de vinhos para quem curte. A cerveja é gelada e a caipirinha é deliciosa! 🙂

QUARTO CONFORTÁVEL

O Itamambuca Eco Resort é bem democrático. Ele tem bangalôs, quartos maiores, menores e tb área de camping. Ou seja, vc pode escolher onde se hospedar, dependendo do quanto quer investir na viagem. Nós ficamos em um bangalô. Foi uma boa escolha. Ficava bem perto do espaço família e tb da piscina e restaurante. Ai, dá até saudades desse fim de semana…

ASSISTÊNCIA

Não me canso de falar: atendimento é tudo nessa vida.

Acho incrível quando uma empresa que presta serviços cuida com carinho dessa área. Afinal, não basta ter um bom espaço, limpo e cheio de atrações e natureza se o atendimento é grosseiro ou rude.

Como eu disse antes, desde o primeiro contato pelo telefone, tudo foi perfeito.

Além disso, nós tivemos um pequeno imprevisto: um dia antes de voltarmos, percebi que o leite que havia levado para Maria não seria suficiente para a viagem toda! Errei no cálculo mesmo…

Conversei com o moço da recepção que me disse que tentaria entrar em contato com um rapaz que fazia serviços de entrega no hotel. Bom, eu realmente não estava com vontade de “cortar o barato” da viagem, entrar no carro e procurar uma farmácia para comprar leite.

Depois de 10 minutos ele me ligou no quarto para dizer que o rapaz já estava lá. E já estava com o leite! Não acreditei. Foi muito rápido e muito atencioso. E olha só, foi uma pisada de bola minha que poderia estragar um pouco a viagem. Mas eles cuidaram de tudo para garantir um feriado perfeito!

PASSARINHADAS

Lógico que não dava pra viajar sem pensar em observar algumas aves, né? Meu vício!

Pra começar, tem 5 comedouros espalhados pelo Itamambuca Eco Resort. E uma coisa bacana: ao lado dos comedouros, tem placas mostrando quais aves se alimentam ali com uma explicação rápida sobre cada uma. Isso é muito legal, especialmente para quem está começando a observar. É uma forma de vc já saber algo sobre os animais que está vendo.

Bom, tinha visto no site que mais de 250 espécies haviam sido catalogadas lá no Itamambuca Eco Resort. Enlouqueci quando vi algumas das espécies que poderia encontrar por lá, entre elas o Benedito-de-testa-amarela, o Surucuá-grande-de-barriga-amarela, a Saíra-sete-cores e a Saíra-militar.

DSCN2195 Blog Animal Chic DSCN2252 DSCN2476

Eu não poderia viajar para um lugar melhor, né?

Todas as manhãs, eu acordava com o sol para caminhar pela trilha que fica bem ao lado da recepção. Como eu disse antes, uma mata atlântica bem viva, com cantos de aves por todos os lados. Relaxante passear por lá. E as placas com as aves que poderiam ser encontradas tb estavam lá na trilha. Muito legal mesmo isso!

DSCN2289DSCN2287 DSCN2285

Mas nesses meus passeios eu não consegui observar muita coisa… A razão? Bom, em matas fechadas assim, é realmente complicado encontrar as espécies que estamos procurando. A maioria delas tem o hábito de se embrenhar pelas moitas e árvores densas.

Então, pra ajudar, o Itamambuca Eco Resort tem um guia para te levar nesses passeios. O Wandel Buzoni, um cara muito bacana que conheci lá, é o guia do lugar e conhece tudo sobre as aves e vegetação da região. E nessa hora vc entende a importância de um guia numa boa passarinhada.

Em nossos passeios, ele sempre levava um playback das aves que encontraríamos. Esse playback, na verdade, são os cantos gravados. Assim, por curiosidade, ao ouvir o som as aves se aproximam possibilitando a observação e tb, boas fotos!

E desse jeito consegui observar cerca de 60 aves diferentes, sendo que eu nunca tinha visto na vida mais de 20 delas. Emocionante!

DSCN2501 DSCN2423 DSCN2373 DSCN2319 IMG_9022 IMG_9080 IMG_9020 DSCN2333

Um dos passeios que fizemos e que eu recomendo muito é o passeio de Rivercat, um pequeno catamarã.

Nós subimos uma boa parte do Rio Itamambuca observando a beleza da vegetação que ladeia o rio e tb as aves que habitam aquele lugar. Além disso, no fim do passeio, rolou um mergulho naquele rio de água cristalina.

Precisa mais que isso?

Bom, eu enlouqueci e voltarei em breve. Já até combinei com o marido que no próximo feriado prolongado estaremos lá novamente.

Recomendo muito! Não deixem de acessar o site do Itamambuca Eco Resort (AQUI) e de acompanhar a página do Facebook (AQUI) para saber das promoções e novidades do lugar.

Beijos, Ju Diniz

O conhecimento ajuda na conservação!

Vocês sabem que eu sou uma observadora de aves e uma fotógrafa amadora da Natureza, né?

Miudinho (Myiornis auricularis). Foto feita no Horto Florestal de São Paulo/SP em Junho/14.

Miudinho (Myiornis auricularis). Foto feita no Horto Florestal de São Paulo/SP em Junho/14.

Agora, uma coisa que vcs não sabem é que, muitas vezes, eu e meus amigos passarinheiros fomos impedidos de fotografar em parques com nossas “câmeras grandes” e tripés.

Pois é… já fomos barrados por seguranças em parques da cidade de São Paulo por estarmos fotografando aves.

Socozinho (Butorides striata) fotografado no Parque Burle Marx em São Paulo/SP, em Abril/14, na companhia da amiga passarinha Claudia Komesu.

Socozinho (Butorides striata) fotografado no Parque Burle Marx em São Paulo/SP, em Abril/14, na companhia da amiga passarinha Claudia Komesu.

Essas restrições sem sentido deixam apenas um lado perdedor: a Natureza.

Esse blog nasceu com o objetivo de levar conhecimento sobre animais para que assim, a conservação deles fosse mais fácil, mais natural. Eu realmente acredito que uma das formas de incentivar a preservação da fauna e flora é levando conhecimento para a população. Afinal, é difícil cuidar de algo que você nem sabe que existe, né?

Garça-branca-grande (Ardea alba) fotografada no Jardim Botânico de São Paulo/SP, em Março/14, na companhia da amiga passarinha Claudia Komesu.

Garça-branca-grande (Ardea alba) fotografada no Jardim Botânico de São Paulo/SP, em Março/14, na companhia da amiga passarinha Claudia Komesu.

Vários parques nacionais e estaduais brasileiros são pouco conhecidos. Mesmo entre os conhecidos, na maioria deles os gestores não reconhecem a importância da fotografia e das redes sociais na divulgação e valorização de um local. Imagine só: há milhares de fotógrafos amadores, e alguns profissionais, fotografando a natureza todos os dias. E ao invés de serem incentivados pelos gestores dos parques, eles são barrados como eu fui várias vezes.

Mesmo sem apoio federal para isso, algumas pessoas querem ajudar, e agora temos a chance de influenciar em mudanças na forma como a população é tratada pelos gestores dos parques. O presidente do ICMBio, sr. Cláudio Maretti, abriu um canal de comunicação no Facebook dele. Muitas pessoas têm deixado seus depoimentos a favor das mudanças, da liberdade para fotografar e divulgar como acontece nos parques dos Estados Unidos.

Pica-pau-de-cabeça-amarela (Celeus flavescens) fotografado no ninho no Pq. Ibirapuera em São Paulo/SP em Agosto/14.

Pica-pau-de-cabeça-amarela (Celeus flavescens) fotografado no ninho no Pq. Ibirapuera em São Paulo/SP em Agosto/14.

Então, quero deixar um convite aqui pra vcs. Na verdade, é um pedido: ajude-nos a lutar por essa causa. Mesmo que você não seja fotógrafo ou observador de aves, venha participar, dizer que você é a favor da liberdade para fotografar, publicar, que você gostaria que os parques tivessem uma relação de parceria com a população, em vez de uma relação puramente autoritária.

O post já tem muitos comentários, mas cada um é valioso. O volume de manifestações a favor pode ajudar na decisão a favor das mudanças. Clique AQUI para deixar seu comentário.

Pernilongo-de-costas-brancas (Himantopus melanurus) fotografado no Parque Linear Nove de Julho, em São Paulo/SP, em Fevereiro/14.

Pernilongo-de-costas-brancas (Himantopus melanurus) fotografado no Parque Linear Nove de Julho, em São Paulo/SP, em Fevereiro/14.

Foi minha amiga passarinha Claudia Komesu quem me falou sobre essa causa e tb, quem me ajudou na elaboração desse post. A Claudia milita a favor da liberação da fotografia em parques nacionais há muito tempo. Orgulho dela!

Ela tb sugere a leitura dos textos abaixo… assim, vc fica conhecendo um pouco mais sobre o que tem sido feito com a Natureza, muitas vezes por falta de informação.

Sabia que mais de 5 milhões de hectares destruídos? Saiba mais AQUI.

Sabia que uma das razões da destruição desses mais de 5 milhões de hectares foi a construção das hidrelétricas? Saiba mais AQUI.

Cardeal (Paroaria coronata) fotografado no PET - Parque Ecológico do Tietê - em São Paulo, em Janeiro/14. Na companhia de Claudia Komesu, Luccas Longo e Rodrigo Poppiel.

Cardeal (Paroaria coronata) fotografado no PET – Parque Ecológico do Tietê – em São Paulo, em Janeiro/14. Na companhia de Claudia Komesu, Luccas Longo e Rodrigo Poppiel.

Conto com vcs! Pra gente poder continuar fotografando e dividindo com vcs a beleza da natureza!

Todas as fotos desse post foram feitas por mim em parques de SP que permitem (ou permitiam) a fotografia da natureza.

Beijos, Ju Diniz

#OndeSeInspirar – Horto Florestal de São Paulo

Um dos parques que mais gostei de conhecer aqui em São Paulo foi o Horto Florestal!

Na Zona Norte de São Paulo, o Parque Estadual Albert Löefgren – conhecido como Horto Florestal – ocupa uma área de 1.740.000 m², e em sua área você encontra palco para eventos, área de piquenique, playground, pista de cooper, equipamentos de ginástica, bicas de água potável, lagos e o Museu Florestal.

Depois de cerca de 45 a 50 minutos de carro (eu saí de casa, na Zona Sul), eu e meus amigos passarinheiros urbanos Claudia Komesu e Luccas Longo chegamos nesse lugar super agradável!

O dia estava congelante! Mas mesmo com o frio, as aves deram um show! Foi lá que vi e fotografei pela primeira vez o Miudinho, o Piolhinho, o Arapaçu-grande, o Pica-pau-anão-de-coleira e a Tiriba-de-testa-vermelha!  Então, eu recomendo muito o lugar para uma boa passarinhada!

ed11cd7c6d262e1460876c5d6b856a8b

c9d51dc6947667973b05b1128505d33e

5852a1e4757ada9b07d1f7213b3b801a

91324d88767f713967e3f6351f676744

e7c5ac73ae49d35c560770090e632908

Além disso, o parque é um lugar agradável para apenas sentar e observar o tempo passar! Repleto de pessoas gentis que não negam um “bom dia” ao passar por você!

E a paisagem é incrível! Especialmente quando os raios do sol insistiam em passar pelas árvores! Belíssimo!

Recomendo o passeio!

IMG_1576

IMG_1579

IMG_1580

IMG_1577

IMG_1578

IMG_1583

IMG_1582

Parque Estadual Horto Florestal
Horário de funcionamento: de segunda a domingo das 6h às 18h.
End.: Rua do Horto, 931 – Horto Florestal
Zona Norte – São Paulo/SP
Tel.: (11) 6231- 8555

A entrada é gratuita!

Beijos, Ju Diniz

#Passarinhei – Gavião-carijó

Eu sempre gosto de encontrar aves de rapina!

Ave de rapina é um termo usado para falar sobre aves carnívoras, caçadoras. Geralmente, têm o bico curvo e aviado, garras poderosas e fortes e uma excelente visão e audição.

Em São José do Rio Pardo, numa das minhas caminhadas para passarinhar, encontrei esse Gavião-carijó!

Ele parecia querer ser fotografado! Cheguei bem perto, mas ele não se importou. Continuou lá, parado… me olhando!

DSCN5309

DSCN5304

Lindo e poderoso, não acham?

Se quiser ver outras fotos dessa ave, é só acessar meu álbum no Pinterest.

Siga o painel Gavião-carijó (Rupornis magnirostris) de Blog Animal Chic no Pinterest.//assets.pinterest.com/js/pinit.js

Beijos, Ju Diniz